Decoração Festa Infantil – Tema Jardim

Decoração Festa Infantil – Tema Jardim


Descrição

Decoração Infantil – Tema Jardim

Solicite o Orçamento


Decoração Festa Infantil – Tema Jardim

Era um jardim muito bonito tinha muitas flores cheirosas. Algumas pessoas diziam que o jardim era encantado porque à noite o perfume das flores se espalhava pelo jardim e atraia muitas fadas e essas fadas eram invisíveis. Apenas as crianças podiam vê-las. Os adultos sempre iam ao jardim, curiosos para ver as ilustres visitantes, mas não viam nada alem das rosas, petúnias, begônias, margaridas e papoulas que o jardim possuía. A princesa Anne cuidava do jardim com muito amor. Ela gastava fortunas com adubos, apetrechos e com todos os jardineiros que trabalhavam sempre para manter o jardim muito bem cuidado. As flores eram enormes e as crianças diziam que elas podiam até falar com as fadas.
Um dia o rei da Pérsia, passando pelo país da princesa Anne, foi visitar o tal jardim que era famoso pela sua exuberância e magia. Ele soube que ali, naquele jardim, as fadas iam para se banhar nas fontes e se embriagar com o cheiro das flores, e que elas muitas vezes concediam pedidos a visitantes do jardim. Seu maior desejo era ter uma nação sabia, forte e poderosa. Ele já havia tentado de tudo. Comprou muitas armas para o seu exercito e muitas ferramentas para seus agricultores. Com estas medidas pretendia que a nação fosse forte e tivesse comida em abundância.

.

Contudo, seus soldados não sabiam como utilizar as armas e seus agricultores não sabiam como utilizar as ferramentas que comprara. O rei também mandou fazer muitos hospitais para que o povo tivesse cuidados médicos e não morresse de uma doença qualquer. Mandou fazer muitas escolas para que o povo aprendesse a ler e escrever e também construiu muitas estradas, pontes e viadutos para que o povo tivesse como se locomover dos lugares mais distantes do reino para ir até as escolas.

Contudo seu povo era fraco e iletrado. Os professores que haviam nas escolas não conseguiam ensinar porque os alunos não queriam aprender. Achavam a escola muito chata porque sempre ensinava as mesmas coisas.
Quando o Rei entrou no jardim já era noite. A princesa Anne lhe havia avisado que o jardim a noite era perigoso pois as fadas que ali ficavam eram muito sinceras e diziam o que bem queriam na lata, sem nem pensar se magoariam a pessoa que fez a pergunta ou não. Mas o rei passou por cima da advertência e mesmo tendo sido avisado, entrou no jardim no início da noite.

.

Logo ele avistou uma fonte luminosa e foi chegando mais e mais perto. A cada passo que dava, um sapo que morava no jardim dizia:
—Mais um passo, menos um ano.
O rei sem entender o que o sapo queria dizer continuou andando.Mas a cada passo que dava, ficava um ano mais jovem.

Assim foi rejuvenescendo até que voltou aos sete anos. Quando, com sete anos ele chegou bem perto da fonte, pode então ver as fadas que ali se banhavam e disse:
—Hó fadinhas, queridas fadinhas. Tenho um desejo que quero lhes confessar.
—Diga príncipe da Persia, em que podemos ajudar? Disseram as fadas.
—Tenho um pais muito grande. Vasto é o meu território. Tenho cachoeiras e rios, pantanais, florestas, savanas. O povo é grande, numeroso. Mas apesar de tudo que fiz, comprando do bom e do melhor, o povo é fraco e não sabe usar nada do que lhes dei.
Como posso ter uma nação forte e poderosa que domine o mundo inteiro?

.

—Há senhor príncipe da Pérsia,
Muito fácil é responder sua questão.
Se quiser um pais com pessoas fortes
De a seus súditos vitaminas
Se quiser um pais com pessoas domadas e servis
De a eles escolas e professores
Se quiser um pais de gente que domina o saber e utiliza
De a eles bibliotecas, muitos livros e o estimulo do habito de leitura.

O Rei da Pérsia, agora transformado em criança, lembrou-se de que seus pais o levavam sempre a biblioteca real e diziam que era de lá que ele iria tirar o seu poder. Se um rei que lê e tem grande conhecimento é poderoso, quem dirá uma nação inteira de súditos conhecedores de todo o tipo de ciência.

—Biblioteca, essa era a peça que faltava no meu quebra-cabeça, disse o pequeno rei agora saltando de alegria por ter a resposta que procurava.
—Mas cuidado, disse a fada. Quando sair deste jardim e voltar a ser um rei adulto vai esquecer de tudo isto que falamos. Por isto leve este espelho que vai congelar sua imagem de criança para lembrar do que eu lhe disse.
O rei pegou o espelho e se olhou.
—-Estou muito bem assim jovem, não quero voltar a ser um rei adulto. Disse já dando as costas para a fadinha e começando a pular imitando o sapo voltou-se para o caminho que saia do jardim.
—Cada pulo que der me imitando, um ano vai envelhecer.

.

E assim o rei pulou como um sapo ate a saída e ficou muito velho, tão velho que se esqueceu de tudo o que a fada havia lhe dito. Um dia, porém, por acaso pegou o espelho que a fadinha lhe dera e olhou nele a sua imagem de criança. Na frente da imagem congelada havia uma frase dizendo: “Me quebre e lembrará de tudo.” .
Já na Pérsia o rei pegou o espelho nas mãos e o quebrou. Ficou com a idade que tinha antes de entrar no jardim, mas ao olhar para o seu povo, descobriu que o tempo havia passado e que a população do seu país havia envelhecido.

Como fazer com que os velhos que nunca gostaram de ler aceitassem a idéia de que ler podia transformar suas vidas e que podiam formar assim uma nação muito mais sabia e mais rica?
Este era um desafio para o rei que viveu esta historia, mas esta é uma outra historia.

E todo esse sucesso pode ser transferido para sua festa! Contrate a Decoração de Festa Infantil do Jardim da Alegria está no ar e deixe esses simpáticos passarinhos conquistarem você! Além da decoração festa infantil, você pode contratar também nossas Lembrancinhas de Aniversário personalizadas do Jardim.

Veja Também